Lugar de Esperança

 

Cada filho de Deus está envolvido em um grande conflito espiritual, quer queira quer não, pois somos seres espirituais, e a nossa vitória ou derrota está, antes de tudo no reino do espírito.  Porem não devemos temer, pois a palavra de Deus garante que somos mais do que vencedores, por Aquele que nos amou (Rm.8.37). A nossa vitória foi obtida pelo próprio Cristo, mediante a sua morte na cruz. Neste conflito não estamos desarmados, pois Deus tem colocado a nossa disposição armas poderosas para o combate.

As Armas da nossa Milícia, não são carnais, mas sim, poderosas em Deus, para destruição das fortalezas II.Co.10.4. A expressão fortalezas representa lugares ou situações que o inimigo mantém as almas presas de tal forma que ficam quase sem possibilidades de serem alcançadas pelo poder do evangelho.

 

1 – TIPOS DE FORTALEZAS:

 

1.1) O amor ao pecado: (eu não consigo deixar de fazer isto). Porque não consegue? Certamente se trata de uma fortaleza que prende esta pessoa.

1.2) A incredulidade: quando se trata dos ensinamentos bíblicos e alguém diz: eu não acredito nestas coisas .

1.3) A religiosidade: mediante a pregação do evangelho muitas pessoas dizem: (eu já tenho a minha religião).

1.4) As seitas e heresias: (Ensinamentos errados  sem base bíblica) e as pessoas dizem, eu aprendi assim e vou continuar fazendo assim. Não esqueça, uma meia verdade é pior do que uma mentira.

1.5) As tradições locais e familiares: (esta é a tradição deste lugar ou então meu avô era assim, meu pai era assim, e eu vou morrer assim).

1.6) Desculpas com o tempo a idade: Eu não tenho tempo para estas coisas ou ainda sou muito novo (a) e preciso aproveitar a vida.

1.7) Enfim tem muitas outras fortalezas malignas. Tudo aquilo que impede o homem ou a mulher de se achegar a Deus, certamente é uma fortaleza que precisa ser destruída para que esta pessoa seja liberta.

 

2 – CONHECENDO O INIMIGO:

 

2.1) Principado – Território ou estado, cujo soberano é um príncipe. Neste caso “o príncipe” que comanda em determinadas áreas são demônios que; por não encontrar resistência, se estabelecem como soberanos nas regiões celestiais.

2.2) Potestades – Alguém que recebeu autoridade para agir. Estas potestades estão debaixo da ordem dos principados que por sua vez obedecem a satanás. A palavra de Deus nos diz que: antes nós andávamos segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, Ef. 2.2.

2.3) Príncipe das Trevas – A palavra “príncipe” nunca se usa nas escrituras para designar uma pessoa que pertence a uma família soberana. (ver, I Cr. 29. 24). Contudo se usa como titulo de soberania. É usada freqüentemente a respeito do chefe ou pessoa principal da família ou da tribo.

Satanás é intitulado como, o soberano, o chefe ou a pessoa principal da família das trevas. Porem não precisamos teme-lo pois somos da família da luz.  “porque noutro tempo éreis trevas, mas agora sois luz no senhor; andai como filhos da luz  Ef. 5.8” ;  porque todos vós sois filhos da luz e filhos do dia; nós não somos da noite nem das trevas. I Ts. 5.5.

2.4) Hostes Espirituais da Maldade – Tropas, multidões de pessoas reunidas; conjuntos de soldados: neste caso são multidões de demônios que se reúnem para lutar contra a obra de Deus.

Exército, conjunto das tropas regulares de uma nação. Nestes últimos dias o nosso adversário tem reunido todo o seu exército para pelejar contra a igreja do senhor Jesus; portanto devemos vigiar e lutar. Conosco está o grande comandante JESUS CRISTO.

Pr. Miquéias Campos

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar Menu