Levantai-vos, e ide-vos, porque este não é lugar de descanso; por causa da imundícia que traz destruição, sim, destruição enorme (Miq. 2:10)

O livro de Miquéias expressa a vida e o envolvimento do profeta com a sua nação. O profeta condena os ricos por explorarem os pobres, denuncia os governantes, chefes e ricos das cidades de Jerusalém e Samaria. Estes estavam roubando o povo através da língua enganosa, com armadilhas, exigiam presentes e subornos. Miquéias também denunciou a cobiça, os ganhos imorais, a maldade planejada, a balança desonesta e o crime organizado. Assim como denunciou os sacerdotes e os profetas que se corromperam.

O que esse livro pode nos ensinar nos dias atuais e o que esse versículo pode nos dizer:

O termo “levantar” mostra o estado de prostração da nação frente aos seus problemas cotidianos, assim como revela, como nos conformamos com a injustiça dos infiéis.

A palavra “ide” ou “andai”, revela como devemos nos portar diante dos desafios que as dificuldades nos apresentam, assim como revela o envolvimento com a missão de um povo que foi eleito para ser o povo de Deus e que se afastando da missão de pregar o evangelho, se corrompe ao sistema maligno do mundo.

A igreja está envolvida com a missão, assim como os seus membros devem estar engranzados nos mesmo projeto, a missão da igreja é ganhar vidas para Cristo e a sua? Qual é?

1) Nós somos desafiados a transformar não somente as pessoas, mas o meio em que a Igreja e cada pessoa está inserida. Vós sois o a luz do mundo – Mt 5.14a.

1.1 – Nossos exemplos devem falar mais alto que as nossas palavras.

1.2 – Nossa vida deve ser um espelho que reflita Cristo quando olharem para nós.

1.3 – Nossa mensagem deve transformar as vidas pelo poder do Espirito que está em nós.

2) A evangelização é apenas uma parte da missão, ela não é a missão, ela é um agente da missão, mais a missão é mais abrangente.

Precisamos mostrar as pessoas que são possíveis, ser transforma no âmbito, pessoal, cultural, politico, ético e moral.

Pessoal – Novo nascimento (Nicodemos).

Cultural – Nova forma de pensar, agir, vestir, etc… (A mulher samaritana).

Político – Relacionamento saldável, sem falsidade, pensando no bem de todos (Zaquel).

Ético – Valores saudáveis e eternos (José do Egito, prezou pelo que cria).

Moral – Diferenciar o certo do errado, o bem do mal (Sim, sim; não, naõ).

 

3) A Igreja só vai aprender a fazer missão quando ela sair de dentro de si e se envolver-se na lama daqueles que amassam o barro do sofrimento imposto por faraó.

É tempo da igreja se levantar, de ir pelas vielas, pelas ruas, pelos morros e orar por essa nação, por esse povo, temos que sujar a mão de lama para limpar a lama do pecado. Mostra ao mundo que o sal que temos é suficiente para evitar o mundo se apodrecer no pecado.

Como Moisés, temos que ver a aflição do povo. Ouvir o clamor do necessitado e ir ao Egito livrar os cativos das mãos de faraó.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.