Lugar de Esperança

Perguntou então Jesus aos doze: Quereis vós também retirar-vos? Respondeu-lhe Simão Pedro: Senhor, para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna. (Mateus 6.67-68).

 

O evangelho tem que refletir mudança de vida e não somente a busca pelo milagre. Nesse capitulo podemos notar 02 milagres de Jesus e uma mensagem para um compromisso com Deus e a mudança de vida.

 

1º MILAGRE: Ele alimenta a multidão: Esse milagre reflete a busca de muitos que seguem a Jesus, pois somente buscam provisão. Querem que Deus lhe dê tudo na vida, busca muitas coisas no reino material e vê nessa busca a satisfação de todas as suas ansiedades espirituais, como se a benção material fosse a coisa mais importante na vida de uma pessoa.

A vida de Jesus é contrária a tudo isso, pois tinha uma vida simples e mesmo assim muitos não visualizam essa simplicidade do evangelho.

Vendo, pois, aqueles homens o sinal que Jesus operara, diziam: este é verdadeiramente o profeta que havia de vir ao mundo (Mateus 6.14). Esse versículo reflete o pensamento de muitas pessoas hoje, pois só crêem no que vêem e são incapazes de ver o milagre antes de acontecer, pois não tem fé na pessoa de Jesus e sim o ver com uma esperança de milagre. Bem aventurados os que não viram e creram (Jo. 20.29).

 

2º MILAGRE: Jesus anda sobre as água e acalma o vento: Esse milagre reflete as pessoas que buscam a Deus somente na hora que estão com dificuldade, quando os problemas os assolam e sente que estão sendo destruídos pela tempestade da vida. É preciso que conheçamos a Deus como o profeta Habacuque conhecia que dizia: Ainda que a figueira não floresça, nem haja fruto nas vides; ainda que falhe o produto da oliveira, e os campos não produzam mantimento; ainda que o rebanho seja exterminado da malhada e nos currais não haja gado. Todavia eu me alegrarei no Senhor, exultarei no Deus da minha salvação. O Senhor Deus é minha força, ele fará os meus pés como os da corça, e me fará andar sobre os meus lugares altos. (Habacuque 3:16-19). Precisamos confiar em Deus e descansar.

 

3º O COMPROMISSO MILITANTE: Jesus prega a multidão: Esse evento mostra a desistência de muitos discípulos, pois seguiam a Cristo com intenção de receber algo em troca e não eram capazes de se esvaziar de si mesmo pelo reino de Deus, esse texto reflete o forma que muitos pensam hoje, não abrem mão de nada por Jesus, não mudam, seja na forma de vestir de falar de pensar, mas querem os milagres e a vida eterna. Pedro e alguns discípulos viam em Jesus a “vida eterna” e o que se foram viam vida terrena e oportunidade terrena.

 

Pedro diz: Para onde iremos nós? O que faremos nós? Onde encontraremos segurança e auxílio para nós e nossas famílias? Estas indagações inquietam a humanidade de forma geral, entretanto aos cristãos é dada a possibilidade de encontrar a resposta em Jesus libertador.

Vemos neste texto, que as palavras de Jesus provocam resistências até mesmo em alguns discípulos (v. 66), muitos possuem a idéia de um Cristo “guerreiro”, da prosperidade material, do projeto egoísta, e não querem segui-lo até a morte, que é entendida por eles como um sinal de fracasso.

Contudo na declaração de Simão Pedro encontramos uma síntese da fé cristã: “Só tu tens palavras de vida eterna!”. Vemos aqui a adesão à proposta de Jesus e aceitação de suas exigências: o compromisso militante. O reconhecimento de que não há lugar melhor no mundo e na existência humana do que se orientar pelas palavras do Senhor Jesus.

Pr. Miquéias Campos Amaro

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar Menu